terça-feira, 5 de julho de 2016

Sonhos de Deuses e Monstros - Resenha

Olá olá, está tudo bem?


Acabei esta obra e estou completamente triste!
Esta triologia fascina-me bastante porque foi tão bem pensada e tão bem escrita!
Vou sentir tanta falta da Karou, do Akiva, da Liraz, dos inseparáveis Mik e Zuzana... aiai :(
Queres saber mais sobre este livro que me pôs em " Ressaca Literária"?
Então lê mais!  :) 








Ficha técnica: 
Título: Sonhos de Deuses e Monstros
Título original: Dreams of Gods & Monsters 

Série: Trilogia Entre Mundos
Autora: Laini Taylor
Nº de páginas: 492
Editora: Porto Editora 

 Sobre a autora...
"É autora de livros de fantasia, tendo publicado anteriormente a série Dreamdark e o romance finalista do National Book Award Lips TouchThree Times. Considerado por muitos livreiros e meios de comunicação como o melhor livro do ano de 2011/2012, A Quimera de Praga é o primeiro volume de uma trilogia, com direitos de tradução vendidos para mais de 30 países e cuja adaptação cinematográfica está a cargo dos estúdios da Universal Pictures."


Se quiseres ler a resenha do primeiro volume da trilogia Entre Mundos clica aqui !
Se quiseres ler a resenha do segundo volume da Trilogia Entre Mundos clica aqui !

*Esta resenha vai ser mais pequena uma vez que já descrevi o mundo desta trilogia e não quero dar spoilers!!*


Uma guerra horrível está prestes a começar entre Quimeras e Serafins! No entanto, esta é bastante diferente de todas as outras que já aconteceram.
De um lado tenta-se ganhar a confiança dos humanos com o objetivo de possuir tecnologia humana para acabar com os inimigos, no outro formam-se tréguas inimagináveis !


"Uma trégua - avisou - é apenas tão forte quanto os menos dignos de confiança de ambos os lados."





Neste volume os sentimentos estão mais presentes, no entanto não são só manifestados pelo casal principal, Akiva e Karou, uma vez que, quase todas as personagens, demonstram mais sentimentos. Estes, na minha opinião, são mais puros, sinceros e verdadeiros do que nos outros volumes. Um exemplo destas personagens é Liraz. Liraz, uma meia-irmã de Akiva que no início da triologia não mostrava quaisqueres sentimentos , foi, do meu ponto de vista, das personagens que cresceu mais e mudou mais, mas para melhor. 

Mik e Zuzana neste volume têm, novamente, os momentos mais cómicos. Descobrem, novamente, como encontrar Karou e ajudá-la e isso mostra, outra vez, a sua grande lealdade, que já tinha referido na resenha do volume anterior...


Eliza, Rouxinol, Escaravelho e outras personagens novas são personagens bastante importantes para o desfecho do livro e para o entendimento do mesmo. 

As personagens são, portanto, confrontadas com um possível fim de vida devido à guerra, o que faz com que existe algum espaço para a reflexão e desespero.

"Acenou na direção da noite como se o céu escondesse o futuro. De súbito, sentiu o coração apertado. Qual era a perfundidade do futuro? Até onde iria?
E quem estaria nele, ao seu lado?"


Gostei imenso do livro, apesar de se desenvolver mais lentamente que os volumes anteriores. 
Laini Taylor demonstra, novamente, a sua grande criatividade e o seu grande poder de escrita criando um desfecho maravilhoso, não deixando nenhuma pontinha solta. Desta vez, as explicações tornam-se mais complexas, uma vez que percebemos o porquê de tudo, no entanto sem nunca tornar as coisas chatas!

Todas as minhas espetativas, que estavam bem altas, foram superadas o que é algo bastante bom!!!!
Dou 5/5 a esta obra e convido todos a lê-la!! Se são fãs de YA e de mundos que nos fazem esquecer a realidade, o que estão à espera para começar esta nova aventura??
Já para não falar das frases maravilhosas como : 

" Há o passado e o futuro. O presente nunca é mais do que a fração de segundo que divide uma coisa da outra. Vivemos equilibrados nesse segundo enquanto ele corre para... para o quê? Ao longo de toda a nossa vida, fomos guiados pelo Império para a aniquilação das bestas... e isso acabou. Pertence ao passado, mas nós continuamos vivos, (...) e continuamos a avançar, em direção a qualquer coisa, mas o quê já não está nas mãos do Império. Pela parte que me toca, quero que seja... vida. Quero que o futuro seja vida. " 


Lindo, não acham?
Já leram? O que acharam do livro?

Com os melhores cumprimentos, 

-Banal Girl  


P.s.1. Ainda não puseste gosto na minha página de facebook? Do que estás à espera! Clica aqui  para acederes à página! Agradecia imenso que pusesses um gosto! Ajuda-me a trazer mais novidades ao blog e surpresas! 

P.s.2. Agradeço, novamente, aos meus queridos amigos (e namorado ;) ) , por me terem oferecido uma triologia tão única e fascinante! Adoro-vos! 




2 comentários:

  1. Eu li! Infelizmente foi tudo perfeito exceto aquele final em que muita coisa ficou em aberto!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim... Eu fiquei meio que desesperada porque queria mais... Mas prontos, we have to move on xd

      Eliminar