sábado, 2 de abril de 2016

A Cidade dos Ossos - Resenha

Hey!


Está tudo bem?

Há muito tempo que queria completar esta coleção mas dei-me conta que não sabia em qual tinha ficado, se no segundo ou no terceiro volume e, para refrescar a minha memória, reli o primeiro!
Irei, então, ler esta coleção e fazer review de todos os 6 volumes!
 Adoro esta coleção e estou super feliz por embarcar nesta aventura! 
Aqui vai a resenha do primeiro livro da coleção : Os Instrumentos Mortais!



Ficha técnica: 
Título: A Cidade dos Ossos
Título original: City of bones
Série: Os Instrumentos Mortais (primeiro volume)
Autora: Cassandra Clare 
Nº de páginas: 415
Editora: Editorial Planeta


Sobre a autora...
"Cassandra Clare nasceu no Irão e passou os primeiros anos a viajar pelo mundo com a família e vários baús cheios de livros de fantasia, entre os quais As Crónicas de Nárnia. Mais tarde trabalhou como jornalista em Los Angeles e Nova Iorque. Cassandra Clare vive em Massachusetts com o marido, os gatos e ainda mais livros."
---

Tudo começa quando Clary (Clarissa Fray) assiste a um assassinato incomum realizado por três adolescentes tatuados e estranhamente armados. A partir dessa noite a sua vida muda completamente.
Clary acaba por descobrir que possuí o dom da visão que lhe permite ver um mundo onde existem vampiros, lobisomens, demônios, fadas, shadowhunters e várias outras criaturas.
Clary, que achava que era uma rapariga normal de Nova Iorque, vê-se confrontada com várias pistas que lhe levam à conclusão que é uma Shadowhunter ( O que é um Shadowhunter? Tens de ler o livro para saber! Não sou assim tão spoiler! ;) )
Com a ajuda de Simon, Jace, Isabelle e Alec, Clary tenta descobrir o paradeiro da sua mãe (que foi raptada).

Tenho de confessar que adoro esta coleção! A escrita de Cassandra é encantadora e transporta-nos, com bastante facilidade, para um mundo incrível!
É uma história de "tirar o fôlego" que nos prende do início ao fim do livro. Feitos incríveis são feitos por personagens bastante engraçadas e interessantes.
No entanto, esta história também tem coisas não tão boas como o romance Cliché entre Clary e Jace, em que o badboy de repente já tem sentimentos. A história do triângulo amoroso também está presente, no entanto, gostei deste Cliché (Don't ask me why... I really don't know!)

É uma obra que convido todos a ler e que realmente considero das melhores obras que já li!
Claro que dou uma pontuação de 5 em 5 a esta obra!
E, para acabar esta resenha, vou citar uma frase que me deixou bem pensativa, pronto (a) ?



      "Talvez haja um Deus, Clary, e talvez não haja, mas não creio que interesse. Em ambos os casos, estamos entregues a nós mesmos."


Alguêm já leu este livro? Se sim, o que achaste? Se não, já tinhas ouvido falar ou já está na tua "lista de leituras"?
Estou desejosa para ler o segundo volume! Posto a resenha dele brevemente, não percas!!



Com muito carinho,


                          -Banal Girl

7 comentários: